top of page
  • Foto do escritorBeca Tonello

EA se nega a financiar continuação de jogo considerado clássico cult e mata franquia

Designer que fez a proposta decide se aposentar após o ocorrido.



Alice no País das Maravilhas é um dos clássicos da literatura que conseguiu muito sucesso nas telas, especialmente com sua animação da Disney e live-actions posteriormente. A franquia também está presente nos games, com American McGee's Alice (2000) e sua famosa continuação, Alice: Madness Returns (2011) que é um clássico. Uma suposta continuação para fechar uma trilogia foi discutida, se chamaria Alice: Asylum e estava no Patreon. No entanto a EA se negou a financiar o projeto ou licenciá-lo, impedindo qualquer continuação.




McGee veio a público

American James McGee é o designer dos dois primeiros jogos de Alice e produziu o projeto do terceiro o divulgando no Patreon. Além das imagens e do conceito, é possível encontrar um PDF de mais de 400 páginas explicando o jogo. Pelo visto tudo isso foi em vão.


Ao questionar a EA, apresentando o projeto, após várias semanas a empresa chegou à conclusão de não financiar Alice: Asylum. McGee conta tudo em uma postagem no Patreon neste sábado (08). A empresa também deixou claro que licenciar o jogo (permitir que outra empresa trabalhe no projeto) ou mesmo a venda estão fora de questão.



McGee está se aposentando do mundo dos games

McGee também twittou sobre o ocorrido. "Após várias semanas de análise, a EA me retornou com a resposta sobre financiar ou licenciar "Alice: Asylum" - Alice teve uma boa história, mas o sonho acabou."


Com isso o designer encerra esse capítulo oficialmente agradecendo a todos os profissionais que o ajudaram, afirmando que seu envolvimento com "Alice" chegou ao fim, assim como com o próprio mundo dos games. Ele agora deseja passar mais tempo com sua família e cuidando de seus negócios.


Produtora: Spicy Horse Publisher: Electronic Arts Data de Lançamento: 14 de junho de 2011

Plataformas: Xbox 360, PlayStation 3, PC

fonte: IGN Brasil

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page